A Iluminação LED acende instantaneamente ou necessita de aquecimento?

Saiba mais sobre esta diferença entre as lâmpadas de LED e as halógenas comumente utilizadas hoje em residências e escritórios.

Todo o LED oferece intensidade máxima de imediato. Qualquer pessoa que tenha usado lâmpadas de halogéneo ou lâmpadas fluorescentes vai estar familiarizado com a cintilação ou retardar ao ligar. É uma problema comum, principalmente quando utilizada em zonas de utilização frequente mas por curtos espaços de tempo, zonas de passagem, casas de banho entre outros, em que na maioria dos casos se apaga a luz antes que ela tenha atingido a intensidade máxima.

As lâmpadas designadas economizadores fluorescentes compactas, têm picos de consumo de energia no arranque, além de que o ligar e desligar sucessivo pode reduzir bastante o tempo de vida útil da lâmpada, afastando-nos do objectivo essencial de reduzir o consumo de energia.


Na iluminação LED, tal não acontece.O LED permite máxima intensidade de imediato, sem picos de consumo de energia no arranque, para que consiga obter a iluminação pretendida instantaneamente.


A iluminação LED não precisa de "aquecer", e apesar dos equipamentos ainda libertarem algum calor, oferecem resultados cada vez mais eficientes, mantendo o objectivo principal, de uma qualidade e quantidade de luz óptima, com temperaturas de cor ao gosto de cada um, uma enorme versatilidade nas aplicações e um compromisso real de poupança de energia.

Fonte: http://www.ledlight.pt